Bar do Alemão: Programação musical – 10 a 28 de dezembro/2019

Inaugurado há 51 anos, o Bar do Alemão, casa que foi comandada pelo violonista e compositor Eduardo Gudin nos últimos 16 anos, sempre se destacou como um espaço de reverência e resistência para o samba tradicional e para a boa música brasileira, em diálogo com sonoridades contemporâneas. Atualmente sob nova direção, continua com o chopp geladíssimo, bons pratos e música do Brasil que combinam com cultura, lazer e prazer em São Paulo, à Avenida Antártica, 554, zona oeste da capital.

 

Programação de dezembro/2019

 

10 de dezembro. Terça, às 21h

Show: Um Abraço no Ivan Lins

Grátis. Duração: 3h. Reservas esgotadas.

O elenco musical do Bar do Alemão homenageia o cantor e compositor Ivan Lins nesta noite. Entre os cantores, Cezinha Oliveira, Francisco César, Elaine Morie, Karine Telles, Liliana Scarfone, Léla Simões e Mauricio Sant’Anna (voz/violão). No repertório, canções representativas da história de Ivan, que estará presente na plateia, ao lado do parceiro e padrinho da casa Eduardo Gudin.

11/12 – Quarta, às 20h30

Show: João Macacão e Conjunto Paulistano

Couvert artístico: R$ 15,00. Duração: 3h.

João Macacão (79 anos) é uma das figuras mais marcantes da seresta, do samba canção e do choro na atualidade, além de ser exímio no violão 7 cordas. Acompanhado pelo Conjunto Paulistano – Getúlio Ribeiro (cavaquinho), André Fajersztajn (clarinete) e Ivan Banho (pandeiro) -, Macacão interpreta clássicos de Cartola, Nelson Cavaquinho, Noel Rosa, Jacob do Bandolim e de outros autores consagrados da música brasileira. Ao longo de sua carreira tocou ao lado de importantes artistas como Orlando Silva, Gilberto Alves e Altamiro Carrilho, além de acompanhar o seresteiro Silvio Caldas, por mais de 20 anos. No início da carreira, João integrou o Regional Esmeraldino Salles até montar seu próprio regional, o Conjunto Paulistano, em 1988, que circulou por todo o Brasil. Após sua participação em coletânea em homenagem a Paulo Vanzolini, iniciou a carreira de intérprete, sempre homenageando mestres do cancioneiro brasileiro. Seu estilo de cantar se destaca pela voz grave e marcante.

12/12. Quinta, às 20h30

Show: Quarteto Cuba Libre

Ingresso: R$ 15,00. Duração: 3h. Reservas: (11) 99814-2808.

O Bar do Alemão promove uma noite de música cubana com o pianista Ricardo Castellanos e seu Quarteto Cuba Libre, que mescla raízes da música caribenha com jazz em repertório que traz clássicos latinos. Além de Castellanos, integram o quarteto: Pedro la Colina (voz), Carlos Noronha (baixo) e Franklin Santos (congas), músicos brasileiros e cubanos de primeiro time. Nascido em Cuba em 1975, Ricardo Castellanos estudou piano erudito com Miriam Valdés e Danae Ulacia, e percussão erudita com Francisco Mela e Roberto Concepción. Em Cuba, tocou ao lado de Helena Burque, Omara Portuondo, Xiomara Laugart, Beatriz Marques, Alfred Thompson, Fernando Acosta, Emilio e Efrain Rios, Fernando Ferrer, com o qual fez parte da banda Raisón, considerada pela crítica internacional como uma das melhores representantes da música tradicional cubana. Radicado no Brasil há 15 anos, o pianista já tocou ao lado de Alaíde Costa, Elza Soares, Cauby Peixoto, Jair Rodrigues, Hector Costita, Hermeto Pascoal, Bocato, Arismar do Espírito Santo, Zimbo Trio, Marina de la Riva e outros.

13/12 (sexta)  MPB da Ótima

20h30: Liliana Scarfone e Francisco César

22h30: Mauricio Sant’Anna e Léla Simões

Couvert artístico: R$ 15,00 (válido para a noite inteira)

Repertório de sambas tradicionais e contemporâneos predominam as apresentações dos artistas – cantores e compositores – que, semanalmente, dão o clima e o tom ao Bar do Alemão. A música popular brasileira “da ótima” ganha interpretação personal nas vozes de Liliana Scarfone (voz) & Francisco César (violão), abrindo a noite, e de Mauricio Sant’Anna (voz e violão) & Léla Simões (voz), acompanhados por Sérgio Maquininha (percussão), mantendo a tradição do bar.

14/12 (sábado) – MPB da Ótima

20h30: Liliana Scarfone e Francisco César

22h30: Cezinha Oliveira e Karine Telles

Couvert artístico: R$ 15,00 (válido para a noite inteira)

Repertório de sambas tradicionais e contemporâneos predominam as apresentações dos artistas – cantores e compositores – que, semanalmente, dão o clima e o tom ao Bar do Alemão, além de passeios pela música popular brasileira. A música popular brasileira “da ótima” ganha interpretação personal nas vozes de Liliana Scarfone (voz) & Liliana Scarfone (voz) & Francisco César (violão), abrindo a noite, e Cezinha Oliveira (voz e violão) & Karine Telles (voz), acompanhados pela percussão de Sérgio Maquininha.

15/12. Domingo, às 19h30

Show: Roberto Seresteiro

Ingressos: R$ 30,00. Duração: 2h. Reservas: (11) 99814-2808.

Uma legítima noite de serestas com o cantor Roberto Seresteiro e seus músicos convidados. Também pesquisador da história da música brasileira, Roberto é um dos remanescentes da Seresta, música tradicional brasileira. A seresta, composição caracterizada por apresentar poemas musicados, é considerada o primeiro estilo de música popular urbana do Brasil e existe desde o século 18. Este jovem cantor mostra que o gênero segue firme, conquistando novos ouvidos e corações, o que pode ser conferido no seu 1º CD Cordiais Saudações (selo Pôr Do Som), que traz composições das décadas de 1930, 40 e 50, a Época de Ouro, como valsa brasileira, modinha e samba-canção, além de participação de Agnaldo Rayol e Roberto Luna. Nascido em Piracicaba, SP, Seresteiro fez seu primeiro show aos 19 anos. Já cantou ao lado de artistas como Dóris Monteiro, Dona Inah, Inezita Barroso e Cauby Peixoto. Também é apresentador e produtor do programa Espaço Seresta, na Educativa FM, de Piracicaba.

17/12 – Terças, às 20h30

Roda: Terçando no Choro com Fernando Dalcin

Couvert artístico: R$ 15,00. Duração: 3h.

A cada 15 dias, às terças-feiras, o Bar do Alemão recebe jovens músicos para uma roda de choro aberta, cuja segunda entrada é aberta às canjas. Quem comanda a noite do Choro Negro é Fernando Dalcin (bandolim), acompanhado Victor Guedes (cavaquinho), Ribeka Suzuki (pandeiro) e Natan Drubi (violão 7 cordas). Fernando Dalcin é um jovem instrumentista autodidata que começou a se interessar pelo bandolim ainda criança, após uma breve passagem pelo cavaquinho, que descobriu ao ouvir “Pedacinho do Céu” de Waldir Azevedo. O incentivo veio de seu avô, que o levou pela primeira vez a uma roda de choro, passando a se dedicar ao estilo e ao bandolin. Atualmente, o músico vem se destacando com show que celebra os 50 anos sem Jacob do Bandolim. Para Fernando, “muito mais do que um espaço para o encontro entre amigos, a roda de choro é uma escola para aqueles que optam pelo caminho da música, em geral, e do choro, em particular”.

18/12 – Quarta, às 20h30

Show / #OcupAlemão: Tuco Pellegrino

Ingresso: R$ 15,00. Duração: 3h. Reservas: (11) 99814-2808.

O cantor, compositor e cavaquinista atibaiense Tuco Pellegrino é uma das revelações do samba atual. Acompanhado por músicos de primeiro time, o artista se apresenta no projeto #OcupAlemão, que reverencia o samba de qualidade nas noites de quarta-feira no Bar do Alemão. No repertório, um pouco do que Tuco vem pesquisando e interpretando, composições que vão de Ismael Silva a Paulinho da Viola, passando por Dona Ivone Lara, Herivelto Martins, Cartola, Zé Keti, Candeia e outros. Filho de mãe pianista, ele despertou para a música ouvindo o primeiro disco da Velha Guarda da Portela, Passado de Glória (1970), produzido por Paulinho da Viola. Fundou com amigos o grupo Passado de Glória, voltado aos antigos sambas da “Época de Ouro do Rádio” e das tradicionais escolas de samba cariocas, que originou o Grêmio Recreativo de Tradição e Pesquisa Morro das Pedras. A convivência com artistas como Cristina Buarque e Monarco da Portela foi determinante em sua formação. Tuco já se apresentou em importantes palcos de São Paulo, Rio de Janeiro e Belo Horizonte. Gravou, em 2008, o disco Cristina Buarque e Terreiro Grande Ao Vivo, finalista do Prêmio TIM de Música, além de render participação no programa Ensaio, de Fernando Faro na TV Cultura. Em 2010, gravou ao vivo o álbum Peso é Peso, que contou com participação do Monarco, Nelson Sargento e Cristina Buarque, levando-o de volta ao programa Ensaio.

19/12 – Quinta, às 20h30

Show: Mauro Amorim & Roque da Vila – em Breque Sincopado

Couvert artístico: R$ 15,00. Duração: 3h.

O cantor, compositor e violonista Mauro Amorim e o cantor e compositor Roque da Vila se embalam a noite desta quinta-feira no Bar do Alemão, com o carisma e o talento que lhes são peculiares. O repertório é formado por sambas de breque e sambas sincopados de autores como Padeirinho da Mangueira, Bide e Marçal, João da Baiana, Germano Mathias, Geraldo Pereira, entre outros. O Breque Sincopado tem o acompanhamento de Ricardo Santos na percussão.

20/12 (sexta) – MPB da Ótima

A partir de 20h30

Couvert artístico: R$ 15,00 (válido para a noite inteira)

 

21/12 (sábado)  MPB da Ótima

A partir de 20h30

Couvert artístico: R$ 15,00 (válido para a noite inteira)

22 a 25/12 – FECHADO!

26/12. Quinta, a partir de 20h30

Microfone aberto a canjas & playlist da casa

Grátis.

27/12 (sábado) – MPB da Ótima

A partir das 20h30

Couvert artístico: R$ 15,00 (válido para a noite inteira)

 

28/12 (sexta)  MPB da Ótima

A partir das 20h30

Couvert artístico: R$ 15,00 (válido para a noite inteira)

29/12 a 01/01 – FECHADO!

 

Serviço

Bar do Alemão

Av. Antártica, 554 – Água Branca, São Paulo/SP.

Tel: (11) 3862-5975 – após 17h30. Reservas pelo Whatsapp: (11) 99814-2808

Abertura da casa: 18h. Capacidade: 46 lugares.

Aos menores de 18 anos a casa não serve bebida alcoólica.

Estacionamento conveniado: R$ 8,00 (preço único c/ carimbo do bar) – Av. Antártica, 519.

Acesse a programação: https://www.facebook.com/obardoalemao / @obardoalemao

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *